42.

Nada justifica a quantidade de comida que ingerimos na semana que separa o Natal do Ano Novo a não ser – talvez – o regresso às origens, aos pratos que já não se encontram em mais lado nenhum senão na casa da Avó. Aos legumes colhidos minutos antes de serem ingeridos, aos sabores que só se provam de ano a ano, à lareira acesa e ao frio lá fora. Esta é a época da Paz e do Amor mas também da Sesta e do Compensan. (translate.reference.com) Nothing justifies the amount of food we eat in the week that goes from Christmas to New Year´s day unless – perhaps – a return to origins, to those dishes that you can´t find anywhere else except at Grandmother´s home. The vegetables harvested minutes before eating, the flavors you only taste once a year, the fire burning and the cold outside. This is the season of Peace and Love but also of Nap and Heartburn.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s