45.

15Abr2010. Há poucas coisas mais aborrecidas nesta vida que uma Reunião de Condóminos. Qualquer uma. Os temas realmente importantes são sempre cilindrados por questões microscopicamente absurdas e irrelevantes e quando finalmente parece que vamos, lá para a uma da manhã, fazer aprovar uma proposta fundamentalíssima, há sempre um palerma qualquer que pede a palavra e lança – gloriosamente! – uma dúvida no ar, na certeza de que “a mesa” acabará por dizer qualquer coisa como “então vamos pensar melhor no assunto e depois logo se vê”. E assim ficamos, até à próxima reunião inconsequente. Pior que isso, só o facto de eu perder invariavelmente a luta interna que mantenho com a minha consciência cívica e não ser capaz de faltar a nenhuma. A solução, uma vez mais, é desenhar.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s