170.

 

 

 

 

 

 

 

VIDA. Por vezes os animais que desenho conversam comigo. Temos aqui um pato e uma galinha meio robóticos, um robot meio pintainho, um fantasma de bigode e um passarinho a dizer “piu” (não confundir com o pintinho piu!). Mas foi o peixe indignado quem se chegou à frente e me interpelou, com toda a razão, porque não parei o seu desenho antes, porque não o deixei a preto e branco? Podia ter ficado tão giro…  desculpa lá pá.

2 Replies to “170.”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s